Dia Mundial da Água: a seiva do nosso planeta

bernadetealves.com

A vida no planeta só é possível graças à presença de água, desse modo, cuidar das fontes de água é fundamental para a nossa sobrevivência. No corpo humano, podemos destacar como importantes papéis desempenhados pela água:

Regulação da temperatura do corpo: A água faz parte do suor,  que apresenta papel importante no resfriamento do corpo. Após ser eliminado pelas glândulas sudoríparas, o suor evapora, causando o resfriamento.

Transporte de substâncias: A água constitui o plasma sanguíneo,  que garante o transporte de diversas substâncias, como sais minerais e nutrientes.

Eliminação de substâncias para fora do corpo: A água faz parte, por exemplo, da composição da urina, que garante a eliminação de substâncias tóxicas ou que estão em excesso em nosso corpo.

Proteção de estruturas: A água está presente, por exemplo, nos líquidos encontrados entre as articulações, participando, portanto, da proteção dos nossos ossos contra o atrito. Ela também garante a proteção do feto, uma vez que faz parte da composição do líquido amniótico.

Diante da importância da água para a nossa sobrevivência e da necessidade urgente de manter esse recurso disponível, surgiu o Dia Mundial da Água. Essa data foi criada em 1992 pela Organização das Nações Unidas (ONU) e visa à ampliação da discussão sobre esse tema a começar pelo  planejamento da gestão que deve levar em conta a solidariedade e o consenso em razão de sua distribuição desigual sobre a Terra.

bernadetealves.com
Dia Mundial da Água – a seiva do nosso planeta

Apesar de o nosso planeta ser repleto de água, estima-se que apenas 0,77% esteja disponível para o consumo humano. Vale destacar, no entanto, que essa quantidade não está distribuída igualmente por todo o território, consequentemente, existem locais onde esse recurso é bastante escasso. Em virtude dessa desigualdade de distribuição, em várias regiões, ocorrem verdadeiros conflitos por água.

Como toda a população necessita de água para a sua sobrevivência, em julho de 2010, a Assembleia Geral das Nações Unidas declarou, por meio da Resolução A/RES/64/292, que a água limpa e segura e o saneamento básico são Direitos Humanos. Sendo assim, a água de qualidade e o saneamento básico passaram a ser um direito garantido por lei. Entretanto, ainda falta muito para que todas as pessoas tenham esse direito realmente garantido.

bernadetealves.com

O equilíbrio e o futuro de nosso planeta dependem da preservação da água e de seus ciclos. Os recursos naturais de transformação da água em água potável são lentos, frágeis e muito limitados, por isso, o nosso compromisso em preservar esse recurso natural tão importante para todos os seres.