Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro celebra 60 anos

bernadetealves.com
Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro é um título conferido a Maria, mãe de Jesus, representada por uma pintura do século XIII, de estilo bizantino. Na Igreja Ortodoxa é conhecida como Mãe de Deus da Paixão. De semblante grave e melancólico, Nossa Senhora traz no braço esquerdo o Menino Jesus, ao qual o Arcanjo Gabriel apresenta quatro cravos e uma cruz. Ela é a senhora da morte e a rainha da vida, o socorro seguro e certo dos que a invocam com amor filial.

Segundo a tradição, o ícone religioso foi trazido de Creta, Grécia, por um negociante. E, desde 1499, foi honrada na Igreja de São Mateus in Merulana. Em 1812, o velho Santuário foi demolido e o quadro ficou no oratório dos padres agostinianos. Em 1866 o quadro de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro foi colocado na Igreja de Santo Afonso, em Roma, por autorização do Papa Pio IX.

bernadetealves.com
Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro do Lago Sul

A devoção à Nossa Senhora do Perpétuo Socorro começou a ser propagada a partir de 1870 e espalhou-se por todo o mundo. Aqui em Brasília os Missionários Redentoristas iniciaram a construção de uma igreja em homenagem  à Nossa Senhora em 11 de janeiro de 1960, no Lago Sul. Apesar de fundada em janeiro, a comunidade comemora a data festiva em 28 de junho, dia dedicado à Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

O local passou a formar a personalidade cristã de centenas e centenas de pessoas. A comunidade considera a Igreja como uma segunda casa. É um local de aconchego, fé, proteção,segurança e esperança. Nestes 60 anos fiéis do Lago Sul e de várias partes do Distrito Federal encontram a proteção de que tanto necessitam.

bernadetealves.com
Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Lago Sul

Muitas pessoas que se mudaram para Brasília na época da construção, em busca de uma vida melhor, pediram a intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro para alcançaram bênçãos e graças em suas vidas. A partir daí, gerações e gerações escrevem suas histórias de trabalho e de vida com a proteção da mãe de Jesus. A paróquia da EQL 6/8, do Lago Sul, em frente ao Centro Comercial Gilberto Salomão, é conhecida como a igreja da família: é frequentada por avós, pais e filhos. Os fiéis passam por muitas renovações, crescem e amadurecem na fé.

O padre Reinaldo Martins de Oliveira,vigário paroquial, diz que  não há outra solenidade melhor  do que o Dia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro para celebrar os  60 anos da Igreja. “Essa comunidade de fé nasceu sob a proteção de Maria. Essa devoção foi incumbida pelo Papa Pio IX aos redentoristas, para que espalhassem no mundo inteiro. Quando eles chegaram no solo de Brasília, assumiram a santa como padroeira da paróquia, no Lago Sul”.

“Celebrar esses 60 anos é celebrar o surgimento da fé católica, da capital federal e dos vínculos de amizade, unidade e amor que, aqui, por meio dessa comunidade, floresceram”, completa o padre Reinaldo.

bernadetealves.com

A Paróquia é testemunha do nascimento e crescimento da capital federal, além de marcar presença na história religiosa da cidade, o sentimento que fica para os frequentadores do local é único: gratidão. “É uma alegria imensa celebrar esses 60 anos com a história de Brasília. Celebrar é agradecer e fazer memória. Um olhar de gratidão para o passado, uma atitude de acolhimento e compromisso com o tempo presente que nos é dado viver com seus desafios”, diz o padre Fábio Bento da Costa, da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro desde 2019.

O padre Fábio conta que para marcar os 60 anos da comunidade,foi lançada  uma revista que conta a história da igreja e de seus frequentadores. A publicação foi uma iniciativa da Pastoral da Comunicação (Pascom), sob a responsabilidade do padre Rafael Vieira, missionário redentorista e jornalista.

“O objetivo é deixar registrado esse jubileu, contar para as novas gerações a nossa história e oferecer aos mais velhos uma feliz recordação da vida construída nos alicerces da fé, da esperança e da caridade”,diz o pároco Fábio Bento da Costa.

bernadetealves.com

A Pró-Reitora do UniCeub, Elizabeth Regina Manzur,frequentadora da comunidade há 35 anos, diz que a igreja se tornou uma extensão de sua família, graças ao aconchego do local. “A vivência paroquial é muito boa, fazemos amigos verdadeiros. Na alegria e na tristeza, podemos contar com a comunidade”, diz. Para Elizabeth Manzur, os 60 anos da instituição foram marcados com belas histórias. “É muito bom olhar e ver que caminhamos juntos durante tantos anos. Tantas pessoas já passaram, chegaram, partiram, e a igreja continua firme. É emocionante ver como ela era e como foi se transformando”.

bernadetealves.com
Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, EQL 6/8, Lago Sul

Os frequentadores da Paróquia Perpétuo Socorro estão sentindo falta dos encontros, das missas, dos grupos de oração e dos trabalhos comunitários. O carinho e a fé em Nossa Senhora vai além da igreja: moldou o coração de milhares de pessoas.

Este tempo em que precisamos nos distanciar uns dos outros vai nos fortalecer para em breve celebrarmos juntos os mistérios da fé.