O exercício democrático dos chefes dos poderes constituídos em Brasília

Eleições 2018 2º Turno
Presidente da República Michel Temer, vota no 2º turno das eleições 2018 em São Paulo

O presidente da República, Michel Temer, votou logo depois das 8h em Pinheiros, zona oeste de São Paulo, na seção de votação. Ele elogiou as eleições tranquilas e disse seja qual for o eleito, acredita que o povo brasileiro é “muito ligado à solidariedade, à amizade, à fraternidade, vai se irmanar a partir de amanhã  e vamos em frente”.

Eleições 2018 votação 2º Turno
Ministro Dias Toffoli, votando em escola no Lago Norte, em Brasília

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, votou  por volta das 10h30 em uma escola no Lago Norte com a Constituição Federal na mão. Após votar fez um rápido pronunciamento à imprensa.

“Hoje o Brasil elege o futuro presidente. É importante lembrar que o futuro presidente terá como seu primeiro ato jurar a Constituição. É importante que se cumpra o artigo 3º da Constituição, que diz o que constitui os objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil. Primeiro: construir uma sociedade livre, justa e solidária. Segundo: garantir o desenvolvimento nacional. Terceiro: erradicar a pobreza, a marginalização, e reduzir as desigualdades sociais e regionais”, disse o ministro Dias Toffoli.

Eleições 2018 votação 2º Turno
Presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, votando no 2º Turno das Eleições

Com a Constituição na mão, Toffoli disse que o ocupante do principal cargo executivo do país deve respeitar as instituições e a democracia. “O futuro presidente deve respeitar as instituições; deve respeitar a democracia, o Estado Democrático de Direito, o Poder Judiciário, o Congresso Nacional e o Poder Legislativo.

Eleições 2018 votação 2º Turno
Presidente do STF, Dias Toffoli, durante votação em escola do Lago Norte, em Brasília

O presidente do STF disse, ainda, que é também dever do novo chefe do Executivo respeitar o adversário que perder o pleito neste 28 de outubro. “É também (dever) garantir a pluralidade política como está na Constituição, respeitando também a oposição que se formará. Aqueles que não lograrem êxito devem ser respeitados também porque a sociedade tem suas forças distintas e é o somatório que forma uma nação”, afirmou o presidente do STF.

Eleições 2018 votação 2º Turno
A presidente do Tribunal Superior Eleitoral ministra Rosa Weber

A presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministra Rosa Weber,votou por volta das 13 horas, na Escola Parque da 313 Sul, em Brasília. Muito simpática cumprimentou eleitores, mesários e o presidente da seção. “Festa bonita da democracia, muito bem organizada. Imprensa bonita”, disse quando estava na seção de votação.

Eleições 2018 votação 2º Turno
Ministra Rosa Weber, presidente do TSE

A presidente do TSE disse que fará o balanço das eleições às 20 horas, na sede do Tribunal. Apesar do clima de tranquilidade no local, além do segurança do TSE que a acompanha sempre, a escolta foi reforçada por uma policial federal.

Centro Integrado de Comando e Controle das Eleições Gerais
O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, no CICCE

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann,  votou hoje bem cedo em Recife, Pernambuco e imediatamente voltou à capital federal para acompanhar o andamento da votação, no Centro Integrado de Comando e Controle das Eleições Gerais de 2018, na sede da Policia Rodoviária Federa, em Brasília.

Eleições 2018 votação 2º Turno
Centro Integrado de Comando e Controle das Eleições Gerais de 2018 (CICCE), em Brasília.

O ministro da Segurança Pública disse hoje que o clima nas ruas no segundo turno das eleições é de tranquilidade, as ocorrências são em número reduzido e não há conflitos graves. “A prosseguir nesse ritmo que temos observado até aqui, diria que as eleições tendem a ser bastante tranquilas”, disse. “E a vontade do eleitor, espero, ela será respeitada, porque isso faz parte da democracia”.