Cigarras: cantoria que anuncia chuva chega a 120 decibéis

bernadetealves.com
Cigarras fazem ‘serenata’ em Brasília

A primavera proporciona encantamento com o arco-iris de cores e cantoria de pássaros e cigarras. Esses insetos possuem um longo período de transformação que chamamos de metamorfose. A metamorfose nos insetos é comum, e as cigarras são os únicos insetos que produzem o som alto e estridente que conhecemos.

Os machos de cigarras cantam não só para atrair as fêmeas, mas também para manter seus predadores bem longe, principalmente as aves. Ao cantar, o som alto e estridente das cigarras machuca o ouvido sensível das aves, além de atrapalhar na comunicação do grupo.

bernadetealves.com
A beleza da cigaarra adulta

Cada espécie de cigarra tem um canto diferente, sendo que as maiores fazem mais barulho, principalmente nos dias mais quentes.Os machos possuem aparelho estridulatório em seu abdome emitem sons para atrair as fêmeas que são fecundadas durante esta intensa cantoria.

O barulho feito pelas cigarras é alto, por isso tanto os machos quanto as fêmeas possuem um par de membranas que funciona como orelhas, para que o som estridente não provoque danos ao inseto.

A cantoria da cigarra é sinônimo de chuva em Brasília e a amplitude do som pode chegar a 120 decibéis. Segundo o biólogo Riuler Corrêa, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, especialista nos insetos, o ‘coral’ das cigarras se compara a decolagem de um avião.

A cigarra é o único inseto que produz um som alto e estridente. Desde o início da semana o som típico da primavera chama a atenção dos brasilienses e cria a expectativa de chuva para amenizar o calor intenso e a baixa umidade do ar.

bernadetealves.com
A metamorfose das cigarras

Depois de fecundadas, as fêmeas põem seus ovos em ramos e folhas de vegetais, e morrem logo após. Quando os ovos das cigarras eclodem, saem ninfas que descem da planta e se enterram no chão, alimentando-se da seiva das raízes.

Dependendo da espécie de cigarra, a fase em que ela fica enterrada no solo pode durar de quatro a dezessete anos. Depois de passar por esse período ela abandona o solo e sobe nas árvores. Uma vez nas árvores, a cigarra sofre uma transformação, tornando-se adulta e apresentando-se pronta para o acasalamento.

bernadetealves.com
Cigarras ninfas iniciam processo de metamorfose

As cigarras têm importância positiva e negativa no ecossistema. A importância positiva é servir de alimento para predadores, e a negativa é a de ser praga para algumas culturas. Quando as ninfas das cigarras estão no subsolo, sugam a seiva das plantas pelas raízes, provocando ferimentos que servem de porta de entrada para fungos e bactérias causadores de doenças.

bernadetealves.com
As ninfas começam a transformação para a fase adulta

O canto das cigarras pode ser ouvido de dia e mais intensos ao anoitecer. Segundo os biólogos o período reprodutivo das adultas pode levar até seis meses. Algumas espécies mantêm a cantoria até abril. É nesse período que se reproduzem e depositam os ovos nos ramos das árvores. Depois disso, morrem para dar lugar a um novo ciclo.