Comitê de Emergência Covid-19 leva solidariedade ao Sol Nascente

bernadetealves.com
Comitê de Emergência Covid-19 leva solidariedade aos moradores de Sol Nascente/Pôr do Sol

A solidariedade é um sentimento que melhor expressa o respeito pela dignidade humana. Cuidar do próximo e enxergar as lágrimas nunca choradas são atitudes de quem pratica a responsabilidade social.

Agasalhar do frio e alimentar quem mais precisa são gestos solidários que merecem reconhecimento. O Comitê de Emergência Covid-19 instituído pelo Governo Ibaneis Rocha, por meio do Decreto nº 40.559, de 24 de março de 2020, surgiu para arrecadar doações para o enfrentamento dos impactos negativos ocasionados pelo coronavírus.

bernadetealves.com

O Comitê é formado por diversas pastas do GDF bem como representantes da Controladoria-Geral do Distrito Federal, Banco de Brasília, Fecomércio/DF, Fibra/DF, Fape/DF, CDL-DF, ACDF, ASBRACO, Sebrae e Conselho Permanente de Políticas Públicas e Gestão Governamental do Governo do Distrito Federal. Até agora o Comitê já distribuiu 10.490 cestas básicas beneficiando 9.596 famílias totalizando 31.704 pessoas atendidas.

A comunidade de Sol Nascente/Pôr do Sol recebeu na sexta-feira, 24/7, cobertores, cestas básicas e ração para animais domésticos. Todos os donativos são provenientes de campanhas realizadas pela ação do Agasalho Solidário 2020, idealizado pela Primeira-Dama do Distrito Federal, Mayara Noronha Rocha , pelo Sindicato de Atacadistas do Distrito Federal e da FVO Alimentos.

bernadetealves.com
Comitê de Emergência Covid-19 leva solidariedade aos moradores de Sol Nascente/Pôr do Sol

A ação teve a participação do Gabinete da Primeira-Dama, Secretária da Mulher, Administração Regional de Sol Nascente/Pôr do Sol, Defesa Civil e Bombeiros e foi coordenada pela Subchefia de Políticas Sociais e Primeira Infância.

A primeira-dama Mayara Rocha disse que a solidariedade une pessoas. “A integração é fundamental para ampliarmos o número de pessoas atendidas e mais parceiros entendam a importância do amor ao próximo. O respeito ao próximo possibilita que ações como esta sejam realizadas”, disse Mayara Rocha.

Lysipo Gomide, presidente do Instituto Sindiatacadista, elogiou o trabalho do Comitê de Emergência Covid-19. “Sabemos que muitas famílias tiveram a situação financeira agravada em virtude da pandemia. Nossas empresas abraçaram mais esta importante causa e, hoje, conseguimos levar alimentos a inúmeros lares. Nosso desejo é que esta corrente do bem continue, de modo que mais pessoas sejam beneficiadas”.

bernadetealves.com

Anucha Soares, Chefe da Subchefia de Políticas Sociais e Primeira Infância e Coordenadora do GT-Social do Comitê de Emergência Covid-19,disse que quanto mais parceiros aderirem a causa, mais pessoas serão atendidas. “A integração da ação com a secretaria da mulher potencializou o alcance da ação beneficiando as mulheres, chefes de família, que estão em situação de vulnerabilidade”.

A Secretaria da Mulher é parceira da ação e vai além. Trabalha no enfrentamento à violência e a promove a  autonomia econômica das mulheres.

Ações importantes porque com a pandemia, a mulher foi diretamente impactada com a sobrecarga de trabalho doméstico, além da exposição à violência e vulnerabilidade econômica.

bernadetealves.com

A secretária da Mulher Ericka Filippelli falou da importância de se olhar para o próximo sem distinção de idade, gênero e raça.“É crescente o número de famílias chefiadas por mulheres no Brasil e hoje, com a pandemia, essas mulheres ficaram expostas à vulnerabilidade econômica além de outros riscos”.

Para quem está sentindo um vazio devido a pandemia é hora de preencher esse espaço com solidariedade. Há muita gente precisando de uma mão amiga.

Fotos: Acacio Pinheiro/Agência Brasilia