GDF entrega Hospital de Campanha de Ceilândia

bernadetealves.com
Vista aérea do Hospital de Campanha de Ceilândia

O governador Ibaneis Rocha inaugurou na manhã desta quinta-feira (21), o Hospital de Campanha de Ceilândia com investimento de R$ 10,4 milhões. A unidade médica , na QNN 27, ocupa uma área de aproximadamente 22.900 m² e fica ao lado da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ceilândia.

bernadetealves.com
GDF entrega Hospital de Campanha de Ceilândia para acolher pacientes com Covid-19

O hospital conta com 40 leitos de enfermaria e 20 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), totalizando 60 leitos para o tratamento da Covid-19. A nova unidade já  está em funcionamento e trata os primeiros 19 pacientes no local.

bernadetealves.com
Governador Ibaneis Rocha inaugura Hospital de Campanha de Ceilândia para acolher pacientes com Covid-19

Inicialmente, o hospital vai atender apenas pacientes com coronavírus, considerando que Ceilândia é a região administrativa com mais casos da doença no DF. Para tanto conta com 280 profissionais de saúde temporários. A lista inclui 20 médicos, 41 enfermeiros, 160 técnicos de enfermagem e também nutricionistas, psicólogos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, farmacêuticos bioquímicos e técnicos administrativos.

bernadetealves.com
Governador Ibaneis Rocha inaugurando o Hospital de Campanha de Ceilândia

“Esse hospital inicia como de campanha, mas segue como definitivo para a população de Ceilândia e de todo o Distrito Federal”, disse o governador Ibaneis Rocha. “Não podemos esquecer também que o hospital de Ceilândia foi ampliado e reformado. Nós estamos reconstruindo a saúde no Distrito Federal. Tenho certeza que vamos entregar uma saúde bem melhor para a população”

bernadetealves.com

O governador Ibaneis informou que a cidade de Ceilândia também ganhará uma nova Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e mais uma nova Unidade Básica de Saúde (UBS).

  • bernadetealves.com
  • bernadetealves.com

Os leitos de enfermaria são destinados à internação de pacientes estáveis, não críticos, que não necessitam de cuidados intensivos. Já os leitos com suporte ventilatório possuem ainda outros equipamentos de monitoramento do quadro clínico do paciente.

A obra do Hospital de Campanha de Ceilândia, foi executada pela Contarpp Engenharia Ltda e  gerou dezenas de empregos.

bernadetealves.com
Hospital de Campanha de Ceilândia

Fotos: Renato Alves / Agência Brasília