7 de Setembro em Brasília: sem desfile mas com patriotismo e amor pelo Brasil

bernadetealves.com

Independência é o motor que move esta Nação, que garante a democracia e a liberdade e é um valor fundamental que orienta a vida de todos nós. A independência é algo que deve ser construída dia após dia  com dedicação e nosso compromisso de lutar por uma sociedade igualitária, garantindo direitos básicos a todos. Juntos podemos construir um Brasil cada vez melhor.

O Dia da Independência do Brasil foi diferente neste 2020. Sem desfile cívico-militar de 7 de Setembro, por conta da pandemia do novo coronavírus, os brasilienses festejaram o Brasil junto com a Esquadrilha da Fumaça que declarou seu amor nos céus da capital do país.

bernadetealves.com

É um orgulho ser brasileira e poder olhar para a nossa Bandeira e lembrarmos que o amor à Pátria está dentro de nós. Olhar para o céu azul da nossa capital em um momento de tanta dor e sofrimento é um acalento. Ver o coração desenhado pela Esquadrilha da Fumaça renova nosso amor e respeito ao nosso Gigante por natureza.

bernadetealves.com

Neste 7 de Setembro, ano desafiador, renovamos o orgulho pela nossa Nação e o compromisso de solidariedade e empatia com nosso irmãos. Que o nosso amor pelo Brasil seja suficiente para vê-lo florescer assim como os ipês fazem durante a seca em Brasília.  

bernadetealves.com

Para não passar o 198º aniversário da independência do Brasil, em branco, aconteceu uma solenidade restrita no gramado do Palácio da Alvorada. O presidente Jair Bolsonaro saiu da residência oficial no Rolls Royce presidencial acompanhado de um grupo de crianças. Depois de percorrer 400 metros até a Praça das Bandeiras.

bernadetealves.com
O presidente Jair Bolsonaro participa de cerimônia comemorativa do 7 de Setembro 2020, no Palácio da Alvorada

A  Banda do Batalhão da Guarda Presidencial executou o Hino Nacional e da Independência,  enquanto a Bandeira era hasteada, a Esquadrilha da Fumaça escreveu no céu a palavra “Brasil” e um coração. Acompanhado da primeira-dama Michelle Bolsonaro, do vice-presidente Hamilton Mourão, do presidente do Supremo, ministro Dias Toffoli,  do presidente do Senado, Davi Alcolumbre, de ministros do governo e familiares.

bernadetealves.com
Presidente Jair Bolsonaro participa de cerimônia comemorativa do 7 de Setembro 2020, no Palácio da Alvorada

Antes da cerimônia o presidente Jair Bolsonaro recebeu às 7h50, com um café da manhã  o ministro da Defesa, Fernando Azevedo, e  os comandantes da Marinha, Aeronautica e Exército .Os outros convidados começaram a chegar ao Palácio da Alvorada às 9h15.

bernadetealves.com
Presidente Bolsonaro e Michelle, General Mourão, Tofolli e Alcolumbre, ministros e autoridades participam de cerimônia comemorativa do 7 de Setembro de 2020, no Palácio da Alvorada

O ministro da Defesa, Fernando Azevedo, afirmou em um vídeo  que a independência do Brasil custou “o sacríficio e a vida de muitos” e que as Força Armadas fazem parte dessa história.

bernadetealves.com
Esquadrilha da Fumaça faz apresentação no 7 de Setembro 2020

“O 7 de Setembro foi um passo fundamental para a construção da nação brasileira. As guerras de independência em terra e no mar custaram o sacrifício e a vida de muitos, contribuindo para a construção do país que temos hoje, unido, livre e soberano. As Forças Armadas fazem parte dessa história, de liberdade e amor à Pátria. Que a independência seja comemorada em todo o país. e principalmente no coração de todos nós”, afirmou Fernando Azevedo.

bernadetealves.com
Esquadrilha da Fumaça declara seu amor ao Brasil

O almoço de confraternização do 7 de Setembro, foi na residência do secretário especial de Assuntos Estratégicos, almirante Flávio Rocha, o conciliador do governo. Bolsonaro chegou no condomínio de casas no Jardim Botânico às 12h20 e deixou o local por volta das 16 horas.

bernadetealves.com
Presidente Jair Bolsonaro, ministros e autoridades participam de cerimônia comemorativa do 7 de Setembro de 2020, no Palácio da Alvorada

Fotos: Marcelo Camargo/Agência Brasil