Dia da Amazônia: desafio e responsabilidade com a fonte de vida

bernadetealves.com

Mais do que uma data, o Dia da Amazônia, é uma oportunidade baseada em ciência e pesquisa, para entendermos que é na preservação que teremos a possibilidade de regeneração do bioma que inclui a maior floresta tropical do planeta e uma das maiores riquezas da humanidade.

O Dia da Amazônia tem como função conscientizar toda a sociedade a respeito desse patrimônio nacional, considerado o ‘pulmão do mundo’, e mostrar que a preservação está intrinsecamente ligada na manutenção do regime de chuvas em todo o país.Defender a Amazônia e defender nossa fonte de vida.

bernadetealves.com

O dia 5 de setembro foi escolhido, pois nesta data, no ano de 1850, o Príncipe D. Pedro II decretou a criação da Província do Amazonas (atual Estado do Amazonas). A data comemorativa foi instituída pela Lei nº 11.621, de 19 de dezembro de 2007, com o intuito de conscientizar as pessoas sobre a importância da maior floresta tropical do mundo e da sua biodiversidade para o planeta.

bernadetealves.com

A Amazônia é reconhecida pela sua diversidade animal e vegetal, já que existem espécies de plantas e animais que apenas são encontrados na região além de ser importante para conservação do clima no planeta, manter o equilíbrio ambiental e reciclar uma boa parte de carbono na atmosfera.

bernadetealves.com
Índio Kaiapó no rio Xingu, fotografado pelo brasileiro Ricardo Stuckert , premiados no Oman 1st Internacional Photography Circuit

Por ser uma região rica em biodiversidade, como a maior floresta tropical do mundo e a Bacia Amazônica com abundância de recursos hídricos, já que se trata da maior bacia hidrográfica do mundo, a região desperta o interesse de muitas pessoas. Entretanto, a exploração pode vir a causar danos ao ambiente e, por isso, a data busca alertar sobre os principais problemas que afetam a região.

bernadetealves.com

A floresta amazônica atualmente está ameaçada pelos constantes desmatamentos ilegais, afetando diretamente a fauna e a flora da região, causando desequilíbrios e crises ambientais a nível global. Como medidas para preservar a região amazônica são necessárias políticas públicas para diminuição do desmatamento, aumento da fiscalização para reprimir as atividades ilegais, melhorar as práticas de trabalho para conviver em harmonia com o ambiente e maior participação da população para cobrar dos gestores políticas ambientais.

bernadetealves.com

Com uma área de aproximadamente 5,5 milhões de quilômetros apenas de floresta, a Amazônia está presente em 8 estados brasileiros: Acre, Amapá, Pará, Amazonas, Roraima, Rondônia, Tocantins e parte do Maranhão e Mato Grosso. O clima na região amazônica é predominantemente equatorial/quente e úmido.

bernadetealves.com
Dia da Amazônia: desafio e responsabilidade com a fonte de vida

A Amazônia não está presente apenas no território brasileiro, mas também em outros países da América do Sul, como: Suriname, Bolívia, Guiana, Guiana Francesa, Venezuela, Colômbia, Peru e Equador.

Outro recorde da Amazônia é a sua bacia hidrográfica. Com cerca de 7 milhões de quilômetros de extensão, os principais rios da região são: Amazonas (maior do mundo em extensão), Negro, Trombetas, Japurá, Madeira, Xingu, Tapajós, Purus e Juruá (todos afluentes do Rio Amazonas).

bernadetealves.com
As cores da bela e importante Amazônia

O desafio para uma “Amazônia Possível” começa por:

  • Eliminar desmatamento da cadeia de produção;
  • Promover uso sustentável dos recursos da natureza;  
  • Investir em pesquisa e fomentar a bioeconomia de floresta em pé;
  • Promover mitigação e adaptação às mudanças climáticas;
  • Fortalecer comunidades  locais;
  • Respeitar os direitos humanos.
bernadetealves.com
Dia da Amazônia: desafio e responsabilidade com a fonte de vida