Com a Liga das Nações 2021, Brasil vence todos os principais torneios de vôlei

bernadetealves.com
Seleção Masculina de Vôlei conquistou a Liga das Nações 2021

Seleção Masculina de Vôlei conquistou a Liga das Nações 2021, único título que ainda não tinha e com isso o Brasil torna-se a primeira seleção a somar títulos em todas as principais competições do Vôlei masculino. O Brasil faturou o torneio ao superar a Polônia por 3 sets a 1 em Rimini.


A vitória conquistada de forma incontestável neste domingo, 27 de junho, completa a galeria de troféus da seleção: três ouros olímpicos e três títulos mundiais, três troféus de Copa do Mundo, cinco conquistas em Copa dos Campeões e nove vitórias em Ligas Mundiais, competição que deu lugar à Liga das Nações.

Criada em 2017, a Liga das Nações surgiu para substituir os torneios Grand Prix, que ocorriam no naipe feminino, e o Mundial, no masculino. O torneio reúne cerca de 16 seleções, filiadas à Federação Internacional de Voleibol (FIVB) em cada uma das categorias. Na primeira etapa, as equipes se enfrentam, sendo que as quatro melhores avançam à semifinal e, posteriormente, à grande final do torneio.

Em meio à pandemia de coronavírus, o grupo precisou ficar isolado durante um mês na bolha montada pela Federação Internacional. Além disso, o técnico Renan Dal Zotto, estava em fase final de recuperação após infecção por coronavírus e foi substituído por Carlos Schwanke.

bernadetealves.com
Brasil vence a Liga das Nações de Vôlei e Alan e Bruninho comemoram

Bruninho disse que a vitória foi incrível uma vez que o mês foi difícil. “Estar em uma bolha e ficar focado durante todo o tempo foi algo novo para todos nós. Foi uma competição em alto nível. Mas esse time merece. Temos 18 atletas, uma comissão que trabalha todos os dias com 100% de dedicação. E isso é o mais importante desse time. Espero que tenhamos feito nosso povo orgulhoso. Agora, temos três dias para descansar e começar a pensar em Tóquio”.

O capitão também ressaltou a importância da Liga para dar rodagem ao time. “Ganhar rodagem é importante para o entrosamento entre todos os jogadores. A gente fez aqui o nosso melhor. Entramos sempre para ganhar. Às vezes, conseguimos; em outras, não. Dessa vez, ganhamos. Vamos focar porque Tóquio vem aí”, disse Bruninho.


O Brasil dominou a lista de melhores da competição. Em uma decisão inédita, Wallace, um dos destaques da final, dividiu os prêmios de MVP e melhor oposto com Kurek, da Polônia. Na equipe dos sonhos da disputa, Leal, Maurício Souza e Thales também foram escolhidos.

bernadetealves.com
Lucarelli, Maurício Souza, Wallace e Bruno comemoram a Liga das Nações 2021 e ida para Tóquio

Agora a seleção volta ao Brasil para a última fase da preparação para as Olimpíadas. Em Tóquio, o Brasil está no grupo B, ao lado de Argentina, Estados Unidos, França, Rússia e Tunísia. A estreia é no dia 24 de julho, contra a seleção africana.


Após conquistar a Liga das Nações de vôlei, a seleção brasileira masculina já tem os 12 atletas convocados para a disputa das Olimpíadas de Tóquio. A lista foi divulgada na tarde de hoje pelo técnico Renan Dal Zotto. Sem surpresas, a convocação conta com a base da equipe que venceu a Liga das Nações neste domingo.

bernadetealves.com
Convocados da Seleção Masculina de Vôlei para Tóquio

Agora a seleção volta ao Brasil para a última fase da preparação para os Jogos Olímpicos antes de embarcar para o Japão. Em Tóquio, o Brasil está no grupo B, ao lado de Argentina, Estados Unidos, França, Rússia e Tunísia. A estreia é no dia 24 de julho, contra os tunisianos.


Os 12 convocados para as Olimpíadas de Tóquio:

  • Levantadores: Bruninho e Cachopa
  • Opostos: Wallace e Alan
  • Ponteiros: Leal, Lucarelli, Douglas Souza e Maurício Borges
  • Centrais: Lucão, Maurício Souza e Isac
  • Líbero:Thales

Fotos: Divulgação/CBV e Twitter/@Volleyballworld