Homem joga tinta na rampa do Palácio do Planalto

bernadetealves.com

O Palácio do Planalto, um bem público e tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) foi alvo da fúria de um goianiense na manhã desta segunda-feira que jogou uma lata de tinta de 18 litros na frente do prédio que faz parte do conjunto arquitetônico de Brasília.

bernadetealves.com
Homem joga tinta na rampa do Palácio do Planalto e é detido por seguranças

O responsável pelo ato deixou uma cópia da Constituição na frente da sede do Poder Executivo e fugiu de carona em uma moto. Momentos depois do protesto, o suspeito acabou detido por seguranças do próprio Palácio do Planalto. A assessoria de comunicação da Polícia Militar informou que o homem foi conduzido para a Superintendência da Polícia Federal em Brasília, localizada no Setor Policial Sul.

Ao ser pego começou a gritar que “a juventude do Brasil é a que mais morre no mundo”.”Genocídio, isso é um genocídio contra a juventude brasileira. Eu estou aqui, pelo povo brasileiro, pela juventude brasileira. É a sétima juventude mais assassinada do mundo e não tem uma política pública. Isso é um protesto… Viva a juventude brasileira, que é a sétima mais assassinada no mundo”, afirmava.

bernadetealves.com
Homem joga uma Constituição na rampa do Palácio do Planalto

O material jogado no inicio da rampa foi imediatamente removido. A tinta se espalhou pela calçada até que a limpeza fosse feita por completo.

O Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República divulgou uma nota dizendo que o Palácio do Planalto foi vítima de um ato de vandalismo, e que as autoridades policiais adotarão as “medidas legais cabíveis”.

bernadetealves.com

Segundo a Polícia Federal, ele tem 29 anos e é de Goiânia (GO). O homem não teve o nome divulgado pela PF. Ele está detido na superintendência do órgão, em Brasília e, de acordo com os agentes, até o inicio da tarde não havia falado. O homem também não tinha advogado.