Inverno: tempo seco, baixa umidade e frio marcam a estação que começa hoje

bernadetealves.com
Tempo seco, baixa umidade e frio marcam o início do Inverno em Brasília


O inverno começou, oficialmente no Hemisfério Sul, às 0h32 desta segunda-feira, 21 de junho e vai até o dia 22 de setembro. Esta é a estação que antecede a primavera e sucede o outono.

O começo do inverno é marcado pelo evento astronômico, baseado na órbita da Terra em relação ao Sol, conhecido por Solstício de Inverno, ou seja, o período em que o Hemisfério Norte está mais inclinado para o Sol.

bernadetealves.com
Solstícios e Equinócios nos Hemisférios Norte e Sul


O Solstício marca o início das estações verão e inverno, enquanto que o Equinócio determina a chegada da primavera e do outono.O inverno meteorológico é a estação no ano que ocorre nos meses de junho, julho e agosto de acordo com o ciclo anual de temperatura.


No Hemisfério Sul, onde está localizado o Brasil, o inverno caracteriza-se pelas temperaturas baixas, dias mais curtos e noites mais longas. As regiões sudeste e sul do país são as mais marcadas pelas características típicas do inverno, sendo que no restante do Brasil as temperaturas são mais equilibradas, com pouca variação térmica.


A previsão, para o Distrito Federal, é de tempo seco e temperaturas mais baixas durante a madrugada. O meteorologista Olivio Bahia, do Inmet, diz que a tendência é que a temperatura seja baixa. “Os moradores do DF podem esperar temperaturas médias entre 10°C e 11ºC durante a noite e a madrugada”.


Segundo o meteorologista, o horário das 6h da manhã é, normalmente, quando se registram as menores temperaturas. Com a nova estação, os nevoeiros também são frequentes ao amanhecer. Também não há novas previsões de chuva para Brasília.


De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), frio, seca e umidade baixa, são comuns na região Centro-Oeste nesta época do ano.


A pouca chuva nesta região deixa o Inmet em alerta, pois aumenta a incidência de queimadas e incêndios florestais, como ocorreu na estação em 2020, no Centro-Oeste, além da elevação de doenças respiratórias.

bernadetealves.com
Tempo seco, baixa umidade e frio – um alerta para a saúde dos idosos


Com a chegada do inverno os cuidados devem ser redobrados com crianças e idosos. Por causa da pandemia de Covid-19 todos devem se proteger por causa da seca e baixa umidade do ar.

Segundo os especialistas, umidade relativa do ar é, basicamente, o quanto de água na forma de vapor há na atmosfera. Os baixos índices podem provocar problemas de saúde como complicações alérgicas e respiratórias devido ao ressecamento de mucosas, sangramento pelo nariz, ressecamento da pele e irritação dos olhos.


De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), quando a umidade fica abaixo de 30%, é preciso cuidados especiais.


Segundo o Corpo de Bombeiros as pessoas devem evitar a pratica de exercícios físicos entre 10h e 17h e evitar queima de lixo e entulho.


A orientação da Defesa Civil
é beber, pelo menos, seis copos d’água por dia, pingar duas gotas de soro fisiológico em cada narina, usar roupas leves e claras e de preferência de algodão, e colocar toalhas molhadas e bacias de água nos quartos, usar roupas leves e, se possível, de algodão.

bernadetealves.com
Inverno em Santa Catarina

Vamos aproveitar esta estação com noites mais longas para desfrutar mais o aconchego do nosso lar, assistir bons filmes, séries e documentários, e ler um bom livro.

Esta é uma época para experimentar vários sabores. Há muitas receitas deliciosas para se aquecer nas noites frias. Mesmo quem não é fã de sopa, a Rita Lobo ensina combinações maravilhosas para comer junto com uma taça de vinho tinto. Vamos aproveitar o quentinho da cozinha para colocar os pensamentos em dia e desfrutar a refeição sem preocupação.


O inverno também é um bom momento para aquecermos os corações com a nossa generosidade. Doar um agasalho ou cobertor representa a força da solidariedade e da empatia. Contribuir com o bem-estar coletivo é exercício de cidadania.


O fim do inverno é também marcado por outro fenômeno astronômico: o equinócio de setembro, período quando o Sol incide com maior intensidade nas regiões próximas à linha do Equador. No equinócio, o dia tem a mesma duração no Hemisfério Norte e no Hemisfério Sul.

Próximas estações do ano em 2021 no Brasil


Primavera: 22 de setembro de 2021, às 16h21;
Verão: 21 de dezembro de 2021, às 12h59.


Fotos: Reprodução e Divulgação