Cristo Redentor veste verde em homenagem ao Dia do Médico

bernadetealves.com
Cristo Redentor veste verde em homenagem ao Dia do Médico

O 18 de outubro é uma data especial pois celebra o Dia do Médico, o anjo atento à dor alheia e disposto a salvar vidas. Neste ano os médicos têm um reconhecimento maior por conta da pandemia do novo coronavírus.

A luta iniciada em março não tem sinal de término, mas o conhecimento adquirido e o respeito pelo próximo são fundamentais para encontrar as portas de saída para esta maior crise sanitária que o Brasil enfrenta.

Neste 18 de outubro vamos celebrar a vida daqueles que não perdem a humanidade mesmo atravessando momentos difíceis  como  a morte, a dor e o  sofrimento das famílias. Nossa homenagem e reconhecimento  aos médicos que não medem esforços para cuidar  da vida dos outros.

bernadetealves.com
São Lucas Evangelista: o portador de luz e protetor dos Médicos

Neste data também é celebrado o Dia de São Lucas, o santo protetor dos médicos. Seu nome significa “portador de luz”. São Lucas era médico e escritor, tido como um dos quatro evangelistas do Novo Testamento da Bíblia Sagrada. São Lucas “Evangelista” é uma das figuras santas mais veneradas pelo cristianismo, em diversas doutrinas, como a católica, ortodoxa, anglicana, protestante e luterana.

Para homenagear e agradecer estes valorosos profissionais o Cristo Redentor ,cartão postal do Rio de Janeiro, foi iluminado de verde, na noite deste domingo (18 de outubro). Antes da iluminação, dom Antonio Augusto Dias Duarte que também é médico, celebrou uma missa na capela localizada na base do Cristo. A cerimônia foi restrita e respeitou regras de distanciamento social.

bernadetealves.com
Cristo Redentor veste verde em homenagem ao Dia do Médico

A celebração  foi uma iniciativa do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj).  “Queremos com essa homenagem abraçar todos os colegas neste momento difícil, além de oferecer uma mensagem de esperança. Sabemos que muitos precisaram deixar suas casas, para não expor suas famílias. Foram necessárias escolhas difíceis também no trabalho. Perdemos pessoas queridas. Como o Conselho que representa esta profissão, estamos orgulhosos e emocionados porque, a cada dia, uma etapa é vencida”, disse o presidente do Cremerj, Walter Palis.