Expoabra:destaca potencial da agricultura e pecuária do Centro-Oeste

bernadetealves.com
Parque de Exposições da Granja do Torto, Brasília

O Parque de Exposições Granja do Torto se reinventou e lança um evento adaptado aos tempos de pandemia. Aberta oficialmente no dia 5, a Expoabra  ganhou novo formato, com palestras, capacitação para produtores, live de shows e até leilão de animais. Tudo de forma virtual, com conceito de navegação 360 graus, por meio do qual o usuário poderá interagir com a plataforma.

O evento que vai até domingo dia 8, é promovido pelo Instituto Parque Granja do Torto (PGT), pela Federação da Agricultura e Pecuária do Distrito Federal (FAPE/DF) e pela Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural do Distrito Federal (Seagri).

bernadetealves.com
Parque de Exposições da Granja do Torto, Brasília

A Expoabra Digital também marca o lançamento de reestruturação do Parque de Exposições.

O vice-governador Paco Britto disse que a meta é que o Parque de Exposições seja transformado em um grande polo de inovação tecnológica da agropecuária do Centro-Oeste. Para esse projeto, o investimento previsto é superior a R$ 150 milhões.

bernadetealves.com
Paco Britto, vice-governador do DF, na abertura da Expoabra 2020

“Temos que trazer de volta a Granja do Torto da nossa época. O agro, em si, é a força desse país, é quem está levando o país nas costas. A economia está sendo girada pelo produtor rural. Falo em nome do governador Ibaneis Rocha, que também é produtor rural, que vamos sim trazer de volta os grandes shows, os grandes eventos, os grandes leilões, arrecadando recursos para o Distrito Federal e ajudando o produtor local”, disse Paco Britto.

bernadetealves.com
Paco Britto, vice-governador do DF, na abertura da Expoabra 2020 na Granja do Torto

O  vice-governador disse que  a regularização das terras rurais trará, além da segurança jurídica ao produtor, a possibilidade de obter, junto ao Banco de Brasília (BRB), recursos com taxas de juros mais acessíveis para que os produtores possam crescer e se fortalecer. “Não temos promessas de campanha, temos compromissos de campanha, e o governador Ibaneis está cumprindo todos os compromissos”, assegurou Paco Britto.

bernadetealves.com
Eugênio de Menezes Farias, diretor-presidente do Parque de Exposições da Granja do Torto

O diretor-presidente do Parque de Exposições da Granja do Torto, Eugênio de Menezes Farias, declarou que o empreendimento é um resgate dos tempos que fizeram história do local nas 29 edições organizadas para promover o desenvolvimento da atividade agropecuária no Distrito Federal. “O evento reinaugura o espaço, que tem todo o setor representado nele, e mostra que estamos presentes, estamos ativos”.

A presidente da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do DF (Emater), Denise Fonseca, lembra que a Expoabra é mais um espaço que serve como incentivo para o agricultor. “Esses eventos funcionam como fonte de aprendizado e inspiração para o pequeno produtor, além de oportunidade de negócio”, afirma. “Não temos dúvidas de que os produtores serão os maiores beneficiados”.

bernadetealves.com
Parque de Exposições da Granja do Torto, Brasília

O secretário de Agricultura, Candido Teles, disse que a Granja do Torto é o renascimento, o recomeço. “A casa do produtor tem que ser viva, tem que ter negócios. O governo quer uma faculdade de medicina veterinária, cursos de agronegócio, quer isso tudo aqui; e, para isso, já estamos buscando parcerias para dar vida a esse espaço”.

“Nós temos grandes desafios: os parques tecnológicos que estamos construindo, o esgotamento sanitário para o qual o governador Ibaneis já conseguiu os recursos, a melhoria das estradas e caminhos das escolas, os canais de irrigação. E estamos avançando na questão da regularização fundiária, buscando a segurança jurídica para pessoas que estão há 30, 40, 50 anos em busca da paz no campo”, assegurou Candido Teles.

bernadetealves.com
Vanessa Mendonça, secretária de Turismo e Denise Fonseca, presidente da Emater-DF, na abertura da Expoabra 2020

Vanessa Mendonça, secretária de Turismo, disse que turismo, agricultura e pecuária caminham juntos, e cada possibilidade de fazer com que o produtor rural permaneça na sua propriedade e possa expandir o seu negócio tem reflexo na economia. “O mundo inteiro já enxergou o turismo como um dos principais setores da economia, e agrobusiness é uma mola propulsora do Brasil para o mundo”.

A secretária disse que o lançamento da Expoabra  vai atrair o olhar do Brasil e do mundo para Brasília. “O setor tem um potencial enorme, e vejo, neste renascimento da Granja do Torto, uma grande oportunidade, pela logística da cidade, pela localização privilegiada, pela qualidade e volume da nossa produção”.

Segundo a Vanessa Mendonça, os resultados positivos da colheita local – como a de morango e uva – tem garantido às famílias de produtores novas possibilidades que fortalecem o setor e fazem girar a economia. “São pousadas, restaurantes, ou seja, uma família inteira que se especializa para receber pessoas, gerando emprego, renda e fazendo com que a cultura local se fortaleça e que a agricultura e pecuária se desenvolvam por meio do turismo”.

Mais informações no  site www.expoabra.com.br

Fotos: Vinicius de Melo/Agência Brasília