Dia Internacional da Pessoa com Deficiência reforça importância do respeito e inclusão social

bernadetealves.com
Dia Internacional da Pessoa com Deficiência reforça importância do respeito e inclusão social

As Nações Unidas vem desde 1992 promovendo maior compreensão dos assuntos concernentes à deficiência e defendendo a dignidade, os direitos e o bem estar das pessoas que compõem uma nação multifacetada cheia de garra e força para derrubar barreiras.

O Dia Internacional da Pessoa com Deficiência reforça a importância do respeito e da inclusão social. Acessibilidade e inclusão são expressões da cidadania, por isso, é importante retirar as barreiras que comprometem o pleno exercício dos direitos das pessoas com deficiência e abrir portas para o desenvolvimento inclusivo de todos.

Potencializar a promoção da igualdade de oportunidades em relação às demais pessoas, com vistas à efetiva inclusão social é mais que um direito. É dever de toda sociedade cobrar dos poderes constituídos ações efetivas.

bernadetealves.com

O governo federal, por meio do Ministério da Saúde, anunciou hoje  a habilitação de 66 novos serviços de odontologia e ortopedia com atendimento especializado a pessoas com deficiência. A medida deverá beneficiar mais de um milhão de pessoas.

O ministro da Saúde, Henrique Mandetta, falou sobre a importância do atendimento especializado, mas destacou os desafios no atendimento odontológico para pessoas com deficiência na atenção básica.“Para isso a atenção bucal está partindo para a capacitação, a formação e a sensibilização dessa rede, para podermos fazer uma boa primeira abordagem desses pacientes”, disse.

bernadetealves.com
Primeira-dama Michelle Bolsonaro e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta

Guia de Atenção à Saúde Bucal da Pessoa com Deficiência  tem o foco em algumas deficiências específicas, consideradas as que mais apresentam demanda nos consultórios odontológicos, como deficiência intelectual, demência, Doença de Parkinson, paralisia cerebral, Síndrome de Down e Transtorno do Espectro do Autismo. No material, são apresentadas as condições bucais mais comuns, além de orientações sobre o uso de meios que facilitem a higienização bucal e que promovam a prevenção de problemas odontológicos.

Para o ministro Mandetta, a prescrição de órteses e próteses é “outro drama no Brasil”. “A nomenclatura é assimétrica, os profissionais fazem cada um de um jeito. Então, os dois guias que estamos colocando hoje acho que vêm para ficar e acho que vai ser apropriado para essa rede”,declarou Mandetta.

bernadetealves.com
A primeira-dama Michelle Bolsonaro e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, durante anuncio no Dia Internacional da Pessoa com Deficiência

A primeira-dama Michelle Bolsonaro destacou o progresso do Ministério da Saúde em prol das pessoas com deficiência, síndromes e doenças raras em todo território nacional. “Hoje é uma data para lembrarmos que leis não bastam. Precisamos de ações verdadeiramente transformadoras para tornarmos nosso país mais acessível”, disse ela.

O Dia Internacional das Pessoas com Deficiência é um bom momento para criarmos uma cultura de sinergia e de ajuda mútua entre todos os seres humanos gerando a cultura da união, da diferença e da inclusão.

Dia Internacional da Pessoa com Deficiência reforça importância do respeito e inclusão social - Bernadete Alves
Dia Internacional da Pessoa com Deficiência reforça importância do respeito e inclusão social

Assim estaremos cumprindo o art. 1º da Declaração Universal dos Direitos Humanos, onde  “todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e em direitos. Dotados de razão e de consciência, devem agir uns para com os outros em espírito de fraternidade.”